Como relatar

O QUE VOCÊ PODE MAPEAR



Qualquer experiência, relato ou casos de violência contra mulheres que ocorreram online ou por meio do uso das tecnologias de informação e comunicações, tais como telefones celulares e a internet.



Você pode documentar sua própria experiência ou pedir a alguém que conheça para compartilhar a dela.

Se quiser relatar a história de outra pessoa, tanto quanto possível, por favor, expressamente obtenha a permissão e o consentimento dela.



Você também pode manter a história anônima para proteger a sua identidade ou a identidade da pessoa afetada, por meio da modificação de detalhes importantes, tais como nome, idade, tipo de emprego e localização (escolha uma área ampla). Isso permitirá que a história seja ouvida, sem colocar ainda mais em risco o senso de privacidade da contadora da história.



Histórias de noticiários na mídia também podem ser mapeadas aqui. Você pode fazer isso sozinha conforme as histórias sejam publicadas, ou se juntar com um grupo de amigas para percorrer uma mídia específica do seu país para o último ano.



Toda história é importante.



COMO ADICIONAR A SUA HISTÓRIA AO MAPA



1)Mande-nos um email: map@takebackthetech.net

Se preferir não usar o formulário online, você pode enviar um email diretamente ao endereço acima e compartilhar conosco a sua experiência. Conte-nos o que aconteceu, onde aconteceu — se online ou offline, qual plataforma de tecnologia foi usada, e quem foi o agressor — se foi alguém conhecido, um estranho, um grupo de pessoas, uma instituição governamental, ou uma companhia privada, como Yahoo! ou Facebook.



Nós, então, a postaremos no mapa com os detalhes que você nos fornecer. Se você quiser manter qualquer parte da história particular e fora do mapa, por favor, nos avise e nós não a incluiremos em nosso mapeamento. Não incluiremos o seu nome ou endereço de email quando postarmos, e só mapearemos uma localização genérica (i.e., cidade ou país).




2) Submeta um relato

Você pode postar a sua experiência diretamente utilizando o formulário “Submeta um relato”.



a) Título do relato
Dê ao seu relato um título e escreva-o aqui. Pode ser uma frase que brevemente capte a experiência, ou se estiver relatando algo da mídia, o título do artigo.


b) Descrição
É aqui que você compartilha a sua história. Descreva o que aconteceu em maior ou menor detalhe, de acordo com a preferência. Se estiver mapeando uma notícia, você pode simplesmente recortar e colar o artigo aqui.



c) Data & Hora
Quando aplicável, você pode clicar em “modificar data” e selecionar a data em que ocorreu a violência, ou a data em que a notícia sendo citada foi publicada. Se ocorreu durante vários meses, você pode selecionar o mês e o ano de início. Se estiver relatando enquanto está ocorrendo, pode deixar a data & hora como está.

Há um total de 5 categorias. Por favor, marque as opções que melhor respondam à sua experiência em cada uma. São elas:



  • Tipo de Violência contra Mulheres – Que tipo de violência contra mulheres você enfrentou?

  • Violação – Qual o ato de violência? O que o agressor, criminoso ou violentador fez?

  • Dano enfrentado – Que dano você enfrentou como resultado da violação ou do ato de violência?

  • Plataforma de tecnologia – Que tipo de tecnologia da informação e comunicação (TIC) foi usada, ou onde ocorreu a violência?

  • Agressor/Violentador – Quem foi o agressor/violentador?



Para maiores informações sobre cada categoria e as opções, desça para o final da página.



d) Seu nome & email
Se você se sentir confortável, poderá incluir seu nome (pode ser um pseudônimo) e endereço de email aqui. Nós levamos privacidade muito a sério, e o seu endereço de email só será usado para contatá-la se precisarmos de qualquer esclarecimento ou confirmação. Ele não será compartilhado com ninguém, e nós não lhe enviaremos qualquer outro tipo de email. Você pode também optar por deixar esta opção em branco.

 

e) O mapa

Aqui você pode marcar a localização de onde a violência ocorreu. Para sua privacidade, não selecione seu endereço residencial ou a sua rua. Uma idéia genérica da localização é suficiente para os fins deste mapa, por exemplo, sua cidade/região.

  • Você pode usar o seu mouse para encontrar a localização no mapa diretamente. Primeiro afaste a imagem para encontrar o seu país e então clique e aproxime a imagem para encontrar sua região e cidade

  • Ou você pode inserir a localização em “Encontrar localização”, e o mapa automaticamente irá para aquela região. E use “refinar localização” para ajudá-la a encontrar uma área específica na cidade.

  • No mapa há 4 ícones. Você pode usar o primeiro ícone com formato de retângulo para selecionar uma área ampla, ou o ícone que parece um lápis para marcar um lugar específico. Se ocorreu em vários lugares, você pode colocar vários marcadores ou usar o retângulo para indicar uma área ampla. Como lembrete, por favor não marque seu endereço residencial ou a sua rua.

  • Se você cometeu um erro, pode deletar o marcador selecionando “deletar último” (para o último marcador inserido), deletar seleção (uma seleção de marcadores) ou “limpar mapa” (para deletar tudo).



f) Link da fonte de notícias

Se estiver mapeando notícias, então adicione aqui o URL ou endereço eletrônico do artigo.



g) Link de vídeo externo
Se a sua iniciativa de mapeamento for parte de uma campanha criativa que usa vídeo, você pode adicionar aqui o URL ou o endereço eletrônico em que se localiza o vídeo.



h) Carregar fotos
Da mesma forma, se a sua campanha criativa incluir imagens como pôsteres ou cartões postais digitais, você pode carregá-los aqui.



i) Submeter
Após preencher este formulário, clique em “Submeter” e a sua história será parte dessa iniciativa global para mapear a violência contra mulheres, relacionada à tecnologia!



CATEGORIAS & DESCRIÇÃO

Estas são as categorias que estamos tentando mapear, para melhor entender as diferentes formas de violência contra mulheres, relacionadas à tecnologia, e o que está envolvido. Isso nos ajudará a olhar as histórias como um todo, e identificar matérias-chave que precisam ser endereçadas no nosso trabalho de advocacy.

 

- Fim -